Resenha “Cidades de Papel”, John Green

Livro: Cidades de Papel

Autor: John Green

Número de Páginas: 254

Editora: Intrínseca

Gênero:Romance

Sinopse: Em Cidades de papel, Quentin Jacobsen nutre uma paixão platônica pela vizinha e colega de escola Margo Roth Spiegelman desde a infância. Naquela época eles brincavam juntos e andavam de bicicleta pelo bairro, mas hoje ela é uma garota linda e popular na escola e ele é só mais um dos nerds de sua turma.

Certa noite, Margo invade a vida de Quentin pela janela de seu quarto, com a cara pintada e vestida de ninja, convocando-o a fazer parte de um engenhoso plano de vingança. E ele, é claro, aceita. Assim que a noite de aventuras acaba e um novo dia se inicia, Q vai para a escola, esperançoso de que tudo mude depois daquela madrugada e ela decida se aproximar dele. No entanto, ela não aparece naquele dia, nem no outro, nem no seguinte.

Quando descobre que o paradeiro dela é agora um mistério, Quentin logo encontra pistas deixadas por ela e começa a segui-las. Impelido em direção a um caminho tortuoso, quanto mais Q se aproxima de Margo, mais se distancia da imagem da garota que ele pensava que conhecia.

MINHA RESENHA

Confesso que li Cidades de Papel com um receio gigante, já que odiei “O Teorema Katherine” também do Tio Verde.

“Quanto mais eu trabalho, mais percebo que os seres humanos carecem de bons espelhos. É muito difícil para qualquer um mostrar a nós como somos de fato, e é muito difícil para nós mostrarmos aos outros o que sentimos.”

O livro é narrado por Quentin, ou simplesmente “Q”, onde ela conta a sua história de amor por sua “amiga” Margo. Na verdade os dois eram super amigos desde que Margo veio morar perto de sua casa (Quentin era apaixonado por Margo desde essa época). Mas ao longo dos anos essa amizade foi se perdendo e eles acabaram se distanciando.

Agora os dois estão no último ano do Ensino Médio e estão prestes a se formar e Quentin nunca esqueceu o amor que sentia por Margo desde criança. Com planos para depois da formatura, Quentin já começa a planejar sua carreira e sua vida. Mas ele jamais poderia imaginar que em uma noite qualquer sua vida iria se cruzar novamente com a vida do grande amor da sua vida.

Numa noite Margo invade o quarto de Quentin lhe pedindo ajuda para executar um plano de vingança com todos aqueles que ela achou que um dia foram seus amigos. Quentin não pensa duas vezes antes de aceitar a ajudar Margo.

“Uma cidade de papel para uma menina de papel. (…) Eu olhava para baixo e pensava que eu era feita de papel. Eu é que era uma pessoa frágil e dobrável, e não os outros. E o lance é o seguinte: as pessoas adoram a ideia de uma menina de papel. Sempre adoraram. E o pior é que eu também adorava. Eu tinha cultivado aquilo, entende? Porque é o máximo ser uma ideia que agrada a todos. Mas eu nunca poderia ser aquela ideia para mim, não totalmente.”

Ele ajuda Margo e eles tem uma noite incrível, que Quentin jamais imaginou ter, ainda mais ao lado do grande amor da sua vida. Mas no dia seguinte tudo mudou. Onde está Margo? Por que ela sumiu?

Querendo ir atrás dessas respostas, Quentin e seus amigos seguem uma jornada em busca de Margo. Grandes aventuras, gargalhadas estão reservadas pra esse livro.

Por mais que muita gente não goste desse livro, eu amo ele, pra mim é o segundo melhor livro do John Green. Ele nos trás lições sobre verdadeiras amizades, relações com famílias e sobre decepções, e o que mais me agradou foi que nem sempre finais felizes existem, e mesmo sabendo que coisas ruins podem acontecer que jamais devemos desistir dos nossos sonhos,de tudo que a gente quer na vida. Super indico a leitura.

“Na minha opinião, todo mundo tem seu milagre. Por exemplo, muito provavelmente eu nunca vou ser atingido por um raio, nem ganhar prêmio Nobel, nem virar ditador de uma pequena ilha no Pacífico, nem ter um câncer terminal de ouvido, nem sofrer combustão espontânea. Mas, se você levar em conta todos os eventos improváveis, é possível que pelo menos um deles vá acontecer a cada um de nós.”

FILME

Pôster do Filme

Ahh não podia deixar de falar sobre  a adaptação cinematográfica do livro que eu achei super incrível. Por mais que tenha tido diversas modificações, na minha opinião não deixou a desejar. Ri muito no cinema, principalmente com o Radar, que na minha opinião é o personagem mais engraçado.

Os atores foram incríveis, o cenário ficou perfeito, eu super amei a adaptação. Pra quem se interessou pelo livro e pela adaptação segue abaixo o Trailler Oficial Dublado do Filme.


CURIOSIDADES SOBRE O FILME 

1- A modelo Cara Delevingne não foi a primeira opção para a personagem Margo, mas acabou conquistando a todos após o teste.

2- Shailene Woodley foi contratada para o papel principal, mas desistiu do projeto devido as filmagens de “A Série Divergente: Insurgente”. A Youtuber Emma Blackery também foi considerada para o papel.

3- John Green faz uma pequena participação no filme.

4- Margo será a primeira protagonista da carreira de Cara Delevingne no cinema.

5- As gravações aconteceram nos estados da Califórnia, Carolina do Norte e Flórida, Estados Unidos.

6- “Cidades de Papel” é quinto livro de John Green, mas é o segundo a ser adaptado para as telas do cinema. Ele é um dos escritores mais populares da atualidade.

7- “Cidades de Papel” reúne novamente parte da equipe criativa de “A Culpa é das Estrelas”, como o

ator Nat Wolff, os roteiristas Scott Neustadter, Michael H. Weber e os produtores Wyck Godfrey e Marty Bowen.

8- Para promover o filme no Brasil, a FOX decidiu trazer no início de julho o autor e produtor executivo do filme John Green, e Nat Wolff, protagonista do longa.

9- A direção é de Jake Schreier, o mesmo de “Frank e o Robô” (2012).

10- Cara Delevingne não é a única modelo famosa a buscar seu caminho no cinema. Cindy Crawford, Rosie Huntington-Whiteley, Milla Jovovich e Rebecca Romijn são alguns exemplos.


Espero que tenham gostado!

Beijos da Bia!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s